quinta-feira, 7 de abril de 2011

Notas da semana

1 - Eu tenho muita dó de criança que tem pais "gordos". Explico o por que das aspas: porque ser gordo, nem sempre é uma questão de físico, mas muito mais uma questão de psicológico. Sabe aquela pessoa que ao invés de comprar UM pão de queijo grande, prefere comprar CINCO mini, só pra ter a sensação de quem não comeu só um, mas cinco? Pois é, esse é o gordo psicológico.
Agora voltando a frase inicial, eu tenho dó de crianças como as que vi nessa última semana. Uma, entrou na loja de conveniência com a mãe para jantar. A mãe (obesa fisicamente) perguntou o que a menininha, que devia ter uns 5,6 anos e já era gordinha, queria comer. A resposta: "Franguinho com salada!"
Qual a reação da mãe (gorda psicologicamente)? "Não filha, você vai comer MACARRÃO!"
E serviu macarrão e coca-cola pra menina.

A outra cena foi na lanchonete do trabalho. Uma mulher, com o filho pequeno, cerca de 8 anos e bem acima do peso, perguntou o que o menino queria. A dona da cantina, que os atendia, disse que tinha acabado de fazer uma salada de frutas. O menino disse que não tava com fome e a mãe insistiu que ele, pelo menos, bebesse alguma coisa. A dona da cantina reforçou que tinha "suco de laranja fresquinho, acabei de ser espremer pra usar na salada de fruta."
O menino aceitou e a mãe (gorda psicológica) disse: Mas você não prefere tomar uma coca-cola?
E o pobre do menino que nem tava lembrando de refrigerante aceitou na hora.

Dá pra entender?

2 - Um tanto tardia, mas quero me expressar sobre todo o problema envolvendo o deputado Jair Bolsonaro.
Nunca vou concordar com nada do que o cara disse, mas também não posso concordar com o que estã querendo fazer que é cercear o direito dele de se manifestar. Isso é liberdade de expressão. E ela vale pra quem tá certo ou errado, pra quem é são ou louco, pra quem é politicamente correto ou incorreto.
Então se ele disse o que disse, que se tomem as medida judiciais para quem se sentiu ofendido processá-lo por racismo. Mas não acho legal querer impedir o cara de falar o que ele pensa. Hoje vai ser ele. Amanhã serei eu e você.

3 - Cada dia eu tenho mais medo de trânsito. Aqui em Brasília o povo tá cada vez pior, mais sem paciência e mais sem cuidado. Confesso que eu sou um dos que não tem muita paciência, principalmente com quem faz merda enquanto dirige, mas tenho tentado me controlar. Correr, eu já desisti.

4 - Quero ir pro festival Natura Nós ver o Jamie Cullum. Alguém me patrocina?

2 comentários:

Fernanda disse...

Mas que coisa, hein?! Esse lance das crianças é triste. Depois a coitada cresce gordinha e sem saúde, com diversos problemas, e daí é muito mais difícil mudar o estilo de vida.

Jamie Cullum! Não sabia da vinda dele ao Brasil! Simplesmente amo o estilo e as músicas dele! Ele tinha que vir a Brasília fazer show aqui... rsrs...


Desculpe... chego assim já comentando... descobri o seu blog a um tempo... vi uns relatos interessante e acabo acompanhando seus posts... mas acho que nunca comentei...

Paulo Palavra disse...

Fernanda, seja bem-vinda, volte sempre e comente sempre também!