segunda-feira, 5 de maio de 2008

O padre e os balões

Sei que estou um tanto atrasado, mas é que não podia deixar de fazer um comentário sobre a história do padre e dos balões.

Meu Deus!!! Esse cara é um grande imbecil. Como é que alguém se presta a voar com balões de festa em um dia de chuva e sem saber usar o GPS que tinha levado??

Me desculpem os que acharem que sou muito radical, mas não dá pra sentir pena de um cara desses. Na minha opinião ele fez por merecer. Vai ser burro assim no inferno...

4 comentários:

Nana disse...

Ele, além de tudo, não tinha autorização para voar!!!!!
As línguas más estão dizendo que ele fez um "curso" e não passou de ano!!!!!!! Mas disse que o Senhor, nosso Deus, cuidaria dele...
Muita estupidez pra uma pessoa só... aff....

Anônimo disse...

Oi Paulo palavra, adoro o blog Historias de um momento que v faz em comapnha do Toty Freire tendo em vista que a muito não atualizam tenho um texto muito bacana sobre uma estoria veridica, e gostaria que desse uma lida pra dizer se poderia posta-lo em seu blog me mande um e-mail grazi_diaz167@yahoo.com.br , para que eu posso te enviar o texto e vc me dar uma resposta se pode posta-lo.

Muito obrigada.

Grazi

Vi disse...

Eu acho que é a opinião geral da nação - BEEEEM FEITO PADRE BURRO.
Fico mais feliz ainda porque ele era um padre. Assim, ele não deixa descendentes de sua burrice vagando pelo mundo afora...

paula barros disse...

Talvez seja uma nova modalidade de suícidio.
Subiu aos céus e está.......sabe-se lá onde. Se tiver sentado ao lado do Deus Pai deve está levando cascudo.

beijinhos, quem tá vivo um dia aparece. Eu, o padre não sei.