sexta-feira, 6 de junho de 2008

Babacas

Eu detesto gente babaca. Existem babacas de diversas maneiras e eu não gosto de nenhum deles. Mas o que eu vou falar hoje é o babaca do trânsito.

Sabe aquele chato que fica colado na sua traseira, mesmo você estando a 80km/h na faixa da direita no eixinho? Pois é. Esse é um grande chato. Ontem mesmo tinha um desses atrás de mim. Estava indo pro CEUB, aquele engarrafamento nas entrequadras, lentidão e tal.

Aí o carro da minha frente avançou um pouco e ficou em cima da faixa de pedestres. Acho um saco esse povo que para em cima da faixa. O que custa esperar antes e só andar quando tem espaço suficiente pra parar depois da faixa? Eu fiquei antes da faixa, ele avançou mais e eu fiquei esperando ele andar mais para poder passar pela faixa e só parar depois dela.

Eis que o babaca que estava atrás de mim começa a buzinar, mandando eu ir pra frente, reclamando que eu estava deixando aquele espaço. Acredita? Fiquei na minha, fingi que não era comigo. Quando surgiu o espaço suficiente para eu não ficar em cima da faixa, avancei. E o babaca colou em mim e parou em cima da passagem de pedestres!

O chato ficou colado em mim até chegar perto do Mc'Donalds (ali na 306/307n). Na hora de chegar no cruzamento da W3, ele quis ser espertão, abriu pra direita e me ultrapassou olhando de cara feia pra mim.

O que eu fiz? Dei risada. Ele tava tão preocupado em me ultrapassar que não viu que na faixa da direita tinha uma carroça. Ficou preso atrás dela. O sinal de verde, passou a amarelo. Eu cruzei a W3 e ele acabou ficando. Bem feito, babaca!

4 comentários:

Diego disse...

Perdeu, playboy!

Nadja Reis disse...

Rrsrsrs...Engraçado esse texto!

Carolina Vicentin disse...

é... babacas, babacas... como vc mesmo disse, o mundo está cheio deles!

Leandro Galvão disse...

Tooooooooooooooma distraído!