quinta-feira, 31 de janeiro de 2008

Ah se fosse comigo... Parte II




"Uma professora de 27 anos foi processada por abuso sexual depois de a polícia dizer que ela confessou manter relações com um estudante de 15 anos em Biloxi, no estado do Mississipi, Estados Unidos.

Rebecca Dawn Bogard disse aos investigadores que fez sexo com o aluno pelo menos três vezes. A última delas teria acontecido no último dia 17, dentro do seu carro, um Jaguar com a placa “GRRRRR”.


Segundo a polícia, pouco tempo depois ela enviou uma mensagem para o telefone celular do adolescente. O texto, segundo o jornal site do jornal Miami Herald, dizia “Eu amo você... foi a melhor... estou sensível mas não machucada... você foi bom.” Segundo as autoridades, a mãe do menino confirmou a existência das mensagens."



Eu juro que não entendo essa hipocrisia americana.
Mas vamos à outros comentários:
1 - Ela deve ser selvagem, né? Ter um Jaguar coma placa "GRRRRR". To imaginando ela fazendo aquela pata de tigresa...
2 - O garoto, apesar dos 15 anos deve ser um fenômeno!! Pelo menos foi a primeira impressão que tive sobre a mensagem dela: "estou sensível mas não machucada"
Ele deve ter lavado a burra!
3 - E mais uma vez, pelo menos por essa foto, a professora parece ser bem bonita, né? Não tanto quanto a Debra Lafave, lembram dela?
Mas, enfim, Deus não dá asa a cobra. Fosse eu, aos 15, com uma professora de 27 e rodando de Jaguar... hunft, eu tava estudando até hoje!!

3 comentários:

Leandro Galvão disse...

O moleque é aprendiz do Bruce e Banner. Mas a Debra dá de 10 nessa aí (apesar de ser uma beleza também).

Sem mais para o momento

paula barros disse...

Tem fotos do carnaval do Recife, no blog. Apareça.
Tanto lá, como no próximo carnaval.
abraços

Vintão disse...

eu queria ter um filho assim!!!