quinta-feira, 7 de fevereiro de 2008

Pior

Para mim, não é a raiva, nem o ódio. Não é a preguiça e muito menos o medo.

O teu sentimento que mais me dói é a indiferença. E como dói...

3 comentários:

Vintão disse...

Conta tudo pra sua mãe, Paulinho!!!

paula barros disse...

Também acho. Muitos já falaram da indiferença. E dos malefícios.
Quando sou eu que trato o outro com indiferença, morro um pouco.

Nandinha... disse...

"O oposto do amor não é o ódio é a indiferença..."
Erico veríssimo

Bm disse o escritor...